Espaços verdes

Substituição de árvore nas imediações do Mercado Municipal

Tendo em vista a segurança de pessoas e bens, o Município de Tomar considera ser esta a altura propícia para se proceder à substituição do choupo que se encontra nas imediações do Mercado Municipal, dado que o mesmo apresenta deficiências estruturais que recomendam o seu abate.

Considerando o Município de Tomar ser esta a altura indicada para se proceder à substituição do choupo que se encontra nas imediações do Mercado Municipal, serão executados pelos serviços competentes os trabalhos de abate e remoção da árvore em causa, salvaguardando-se assim a segurança de pessoas e bens.

A árvore supracitada encontra-se debilitada, com uma inclinação acentuada que se tem agravado ao longo do tempo e apresenta podridões extensas e deficiências estruturais que recomendam a sua substituição.

Devido aos trabalhos de beneficiação atualmente a decorrer no Mercado Municipal considera-se ser esta a altura indicada para realizar o abate sem causar constrangimentos aos demais utilizadores do espaço.

A intervenção está agendada para a próxima quinta-feira dia 26/06, sendo previsível que na zona circundante o acesso esteja condicionado às equipas responsáveis pela realização dos trabalhos.

O choupo será substituído por árvore de espécie a definir, com características mais adequadas ao local de plantação.

 

IMG11 IMG12 IMG13

Projeto "Vamos Dar Cor à Mata"


O projeto “Vamos Dar Cor à Mata” iniciou no passado dia 17 de Abril a sua intervenção no Jardim Formal da Mata dos Sete Montes com a preparação de canteiros para futura plantação de herbáceas vivazes.

O “Vamos Dar Cor à Mata” consiste numa plataforma de voluntários apoiados de modo direto e indireto por diversas instituições e entidades, públicas e privadas, nomeadamente o ICNF, Município de Tomar, IEFP, CIRE, IRS e Hotel dos Templários entre outros.

O principal objetivo deste projeto consiste, tal como o nome sugere, na devolução da cor ao Jardim Formal através da plantação de flores de cores vivazes nos canteiros ali existentes.

De acordo com a sua principal dinamizadora, Anabela Antunes, a próxima intervenção deverá ter lugar dia 26 de Abril, estando a participação aberta ao público em geral.

 

IMG 21 IMG 22

Beneficiação de zona ajardinada na Avenida Horta d’el Rei

O Município de Tomar deu início à valorização dos espaços intersticiais adjacentes às avenidas Horta d’el Rei e Luís Bonet com a beneficiação de um canteiro englobado na área envolvente à igreja de Santa Maria dos Olivais.

Os Serviços competentes do Município de Tomar procederam ao arranjo e beneficiação de um canteiro situado na avenida Horta d’el Rei que resultou dos arranjos exteriores que envolvem a igreja de Santa Maria dos Olivais.

Com esta beneficiação pretendeu-se reduzir objetivamente os esforços despendidos com manutenção do espaço, imprimindo ao mesmo tempo uma mais-valia estética e alternativa na paisagem comparativamente ao arranjo anterior.

Neste melhoramento foram utilizadas espécies vegetais produzidas no Viveiro Municipal e materiais de revestimento reciclados ou aproveitados de outras obras.

Os trabalhos foram executados por administração direta.

Futuramente está prevista a intervenção nos espaços por tratar em toda a zona referida anteriormente.

 

IMG 31 IMG 32 IMG 33

Praga do escaravelho da palmeira chega a Tomar

Durante ações programadas de limpeza foi detetada a presença de palmeiras atacadas pela praga do escaravelho da palmeira (Rhychophorus ferrugineus).
À semelhança do que se tem verificado em diversos concelhos do continente e ilhas, foi assinalada em espaço público e privado a presença de palmeiras contagiadas pelo escaravelho da palmeira (Rhychophorus ferrugineus).

Esta é uma praga nociva, com grande capacidade de propagação que provoca, na maioria dos casos, a insustentabilidade dos vegetais da família das palmeiras, em particular da palmeira das Canárias (Phoenix canariensis), quando por si atacadas.

Sendo a espécie de palmeiras supracitada bastante vulgar no concelho de Tomar e tendo em conta as dificuldades de deteção precoce da infestação, é previsível que a proliferação da praga em espaços quer de domínio público, quer privado seja rápida e abrangente devendo considerar-se uma ameaça para a generalidade das palmeiras.

A experiência recente de diversas zonas do país afetadas (Coimbra, Lisboa, Porto, Faro, Funchal, Quarteira, Portimão, Barquinha e outros) diz-nos que as medidas aplicáveis à contenção da praga são em larga escala insuficientes para acompanhar o seu avanço. No entanto esta é uma problemática que devido às proporções que atinge não pode ser ignorada dado que face à sua nocividade a UE considerou esta praga de luta obrigatória, tendo aprovado a decisão 2007/365/CE que estabelece as medidas de emergência contra a introdução e propagação de Rhychophorus ferrugineus na Comunidade.

Face à existência de casos confirmados de infestação (Escola I. D. Henrique, Convento S. Francisco, PMCT, jardim da Várzea Pequena) o Município de Tomar, através dos Serviços competentes tem vindo a proceder à limpeza e desinfestação da generalidade das palmeiras existentes em espaço público de modo a que sejam minimizados os impactos negativos da praga.

Informações adicionais sobre procedimentos para a identificação, ação e manuseamento de palmeiras infetadas podem ser consultadas em documento anexo:

 

icon pdf pequeno Escaravelho da palmeira

 

IMG 41 IMG 42

 

Divisão de Proteção Civil
Quartel dos Bombeiros Municipais de Tomar
Rua de Santa Iria
2300-475 Tomar
Tel. 249 324 030
Fax. 249 329 827
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

 

 

 

 

LICENCIAMENTO DIGITAL

 

plantasonline

 

licenciamentozero

249 329 800

Câmara Municipal


presidencia@cm-tomar.pt


Praça da República 

2300-550 - Tomar 

Logo face net cópia