logo-CMT 230 horizontal

Exposição “Documento do Mês”: “A invenção do dia claro” de Almada Negreiros

Exposições
Data: 1 de julho - 31 de julho

Local: Biblioteca Municipal de Tomar

“Simultaneamente poesia, prosa e arte poética, “A Invenção do Dia Claro” (1921), de Almada-Negreiros, nas suas máximas, parábolas narrativas e descritivas, pontuada por ditos seus ou alheios (Rimbaud, Hermes Trimegista), num discurso aparentemente incoerente, desvelado por "aproximações sucessivas".

Edição fac-similada, onde se pode ler na capa «Escripta de uma só maneira para todas as espécies de orgulho, seguida das démarches para a Invenção e acompanhada das confidencias mais intimas e geraes. Ensaios para a iniciação de portuguezes na revelação da pintura». Contem autorretrato de Almada-Negreiros.

José Almada-Negreiros, nascido em São Tomé em 1893, viveu em Portugal e revelou-se como um artista e um escritor polifacetados: artista plástico, poeta, ensaísta, romancista e dramaturgo, ligou-se em 1913 ao grupo modernista.
Com Fernando Pessoa e Mário de Sá-Carneiro, formou o grupo da revista Orpheu, tendo mais tarde lançado a revista Sudoeste e promovido uma série de conferências…Ao nível da prosa literária, deve-se destacar o seu romance Nome de Guerra.
Faleceu em 1970 em Lisboa

 

 

Organização: Biblioteca Municipal de Tomar

 

Telefone
249 329 874
Email
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
horário
9h30 às 18h00
 

btt-transmissoes-online

 

btt-RH

 

bottom-minha-rua-a

 

 

 

btt-agenda-agosto-2022

 

btt-COVID-19

 

bottom-farmacias-servico-a 

 

 

btt-agenda-online-2022

 

btt-servicos-online copiar

 

bottom-reclamacoes-a

 

 

 

btt-site-visit-tomar

 

btt-monos-e-outros

 

btt-oferta-emprego

 

 

 

Esta página utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Para mais informações consulte a politica de privacidade .

Aceitar utilização de cookies
Politica de cookies